Antes de qualquer coisa, recomenda-se, veementemente, que todos devam conhecer e cumprir as leis e exigências regulatórias que afetam as responsabilidades do dia a dia de seu trabalho, entendendo os detalhes de como aplicar nossa política de integridade.

Recomenda-se, igualmente, a quem quer que venha saber de alguma irreguralidade, denunciar imediatamente quaisquer possíveis violações das leis ou do Programa de Integridade da empresa.

Sempre que chamados, testemunhas ou denunciantes devem colaborar de maneira integral e honesta com as investigações relacionadas às questões de integridade.

A conduta esperada dos funcionários e colaboradores consiste, dentre outros procedimentos relativos a qualquer pessoa, seja do setor público ou privado, nacional ou estrangeira, em nunca oferecer, prometer ou fazer pagamentos, cortesias ou doações – tais como: passagens, hospedagens, alimentação, ingressos para show, cinemas, brindes, ou favores similares –, visando obter vantagens comerciais indevidas.

Os casos de incumprimento do Programa de Integridade – quer se tratem de atos lesivos contra a administração e o patrimônio público (tais como promessa ou oferta de qualquer tipo de suborno) quer de pagamento, comissão, presente ou remuneração a quaisquer autoridades, agentes públicos, executivos de empresas ou órgãos públicos, sem se limitar somente a estes temas – poderão resultar em sérias penalidades administrativas e criminais, além de enfrentarem ações disciplinares. Tais penalidades incluem, até mesmo, a possibilidade de desligamento da empresa por justa causa.